sábado, agosto 19, 2006

Desencontrados



(daqui)





Desencontros a rodarem sobre esferas diárias,

serões tão terra-à-terra - castigo sem remissão
a insípidas aventuras por estratosferas -
pasto para os rebanhos que nos uniam se dispersarem,
com o medo da partilha a tilintar em fundo,
eco que a pouco e pouco veio selar
o meu sorriso diante do teu sepulcro.



Ao pragmatismo acendeste uma vela, luziu

sobre tudo quanto de inconsequente eu fiz
para aos teus olhos te parecer mais belo.
Arrancar-te uma palavra - violência tanto maior
para mim que me conformei às dunas
fustigadas pelo silêncio por ti nutrido como um filho.




A razão por que te alimentei em sonhos?

A do viajante febril por outros desertos
com os sentidos de engorda a uma esperança
refazermo-nos da sede num oásis,

mas que entre nós nunca houve meio de existir.


1/1/2006

6 Comentários:


Anonymous Anagwen disse...

As férias fizeram-te bem e é um prazer voltar a ler-te de novo... as palavras (re)nascem férteis...

20/08/06, 21:37  

Blogger Maria P. disse...

Muito bem, apeteceu ler duas vezes.

Beijnhos.

20/08/06, 23:17  

Blogger Menina Rabisco disse...

Cláudio,
faço-te um desafio. Visita o meu blog através deste link http://meninarabisco.blogspot.com/2006/08/as-minhas-etiquetas.html#links

Espero que aceites.

Beijinhos.

Menina Rabisco.

21/08/06, 02:24  

Blogger  disse...

:)

21/08/06, 15:48  

Blogger  disse...

Ora bem:
Fui ao blog da menina rabisco e vi o teor do desafio lançado. Ora bem, ora bem... Agora é que são elas, vamos ver qual vai ser a reacção e o modo de reagir. Em vez de estudar, aguardo.

21/08/06, 16:00  

Blogger Cláudio disse...

Anagwen: obrigado pelas tuas palavras. Força para o teu blog, que ainda agora começou. Prometo ir espreitando...

Maria P. És sempre bem-vinda... espero que os meus posts continuem a apetecer-te... no mínimo uma vez :) Beijinhos

Menina Rabisco: agradeço-te pelo desafio.. deixei uma pequena explicação no teu blog, espero que compreendas... Beijinhos

Peluxeu: que sorriso maroto é esse? Sim, conhecendo-te bem, só pode ser um sorriso maroto... Ora, só desculpas... podias aguardar a estudar, não era? Ai! Tás tão preguiçoso como eu, ou quê?

23/08/06, 07:37  

Enviar um comentário